Sentidos Meios

Poema visual de Geraldo Magela.
Meu colega de trabalho, Geraldo Magela, é um poeta e desenhista. Ele tem uma série de poemas e personagens, todos retratados no blog NO INFERNO TAMBÉM NEVA ( noinfernotambemneva.blogspot.com ) .
Ele me pediu para transformar em video uma série de quatro desenhos que ele fez com pequenas frestas dessa bela atriz, recortada em pequenos retângulos. Nossa imaginação é tentada pela brincadeira semiótica. Ai está o resultado.
A música é do Philip Glass, acho que ele não vai se importar de me emprestar este trecho.
Poema e Imagem – Geraldo Magela
Montagem e Som – Gustavo Serrate

Anúncios